Viva o lado bom da Religião

Já cansei de ouvir o argumento furado de que “a religião é necessária para que as pessoas tenham uma razão para ser feliz”.

Primeiramente, a pessoa que fala isso está demonstrando nessa frase que ela mesma não acredita em religião, apenas tenta ser solidária apoiando quem diz acreditar.

Segundo, pense simplesmente: onde a qualidade de vida é melhor, na Europa (país de ciência) ou no Brasil (país de fé e de esperança em um futuro melhor)?

Os problemas de viver pela religião podem incluir, mas não limitados à:

  1. Incentivo a violência e a desigualdade. “Quem não é da minha religião é servidor do demônio” segundo a contraditória Bíblia.
  2. A religião causa divisão dos povos e guerra. Você já ouviu falar em guerra de ateus?
  3. Irracionalidades em geral.

O ser humano tem a necessidade de ajudar sua espécie, e a religião é uma forma paradoxa de fazer isso, pois quem não consegue concordar deve ser excluído e “sofrer as consequências”.

Quem faz teatro, trabalhos voluntário, entre outros, relata uma grande alegria, que acredito que poderia substituir a religião sem efeitos colaterais.

Para conhecer mais sobre os malefícios da fé (“crença cega”, segundo o dicionário), recomendo o livro “Deus, Um Delírio” de Richard Dawkins.

Curta o bom da religião. Livre-se da fé (crença cega), não do gosto por uma boa história ou música. Se você é partidário de uma religião, ainda assim, eu gosto de você e quero seu bem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s